EM BRASÍLIA

Senadora Simone Tebet (MDB-MS) diz que versões de Franco e Onyx sobre compra da Covaxin foram desmentidas

Simone Tebet (MDB-MS) disse há pouco a jornalistas que o testemunho de William Santana “desmente” as versões de Elcio Franco, assessor especial da Casa Civil, e Onyx Lorenzoni (DEM-RS), secretário-geral da Presidência da República, sobre a compra da Covaxin.

Tebet afirmou que o testemunho prestado hoje pelo consultor que atuava no Ministério da Saúde “confirma que existiram três invoices” e que uma dessas notas fiscais internacionais chegou antes do encontro dos irmãos Miranda — o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) e Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde — com Jair Bolsonaro.

A senadora disse ainda que a CPI já comprovou que o contrato da Covaxin “é fraudulento” e que agora “cabe procurar a autoria”.

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: