Estado

Previsão aponta tempo nublado com ventos moderados a fortes no Rio

Como toda manhã clara e ensolarada, as praias do Rio de Janeiro amanheceram, neste domingo (17), bem movimentadas. Com o tempo firme e temperatura agradável, muitas famílias aproveitaram o dia para se divertir ao ar livre. Entretanto, o tempo no Rio promete seguir bastante instável até a próxima quinta-feira, dia 21, de acordo com o Alerta Rio, sistema de monitoramento da prefeitura do Rio, variando de dias nublados a parcialmente nublado, e com ventos de moderados a forte.

No decorrer da semana, os termômetros alcançam a máxima de 33 °C, enquanto a mínima será de 14°C. Segundo a previsão, a temperatura da cidade durante a semana terá um declínio, e em seguida, se manterá estável.

Para segunda-feira, dia 18, a passagem desta frente fria deixará o céu nublado com chuvisco/chuva fraca isolada durante a madrugada. A temperatura terá um declínio com uma máxima de 27°C, e a mínima de 14 °C.

Já na terça-feira, dia 19, o tempo continua estável e sem previsão de chuva. Os ventos estarão fracos a moderados. A previsão é de que os termômetros marquem 28 °C de máxima e 14 °C de mínima.

Na quarta-feira, dia 20, céu tende a ficar nublado na cidade sem chance de chuva. Segundo o Alerta Rio, a temperatura máxima seguirá estável, com máxima de 28 °C, e a mínima de 15 °C.

Na quinta-feira, dia 21, a previsão aponta um céu nublado a parcialmente nublado, com ventos fracos a moderados e sem chuvas. A temperatura seguirá em declínio, com uma máxima de 29 °C e mínima de 15 °C.

Dia mais quente da estação
De acordo com o Sistema Alerta Rio, este domingo foi o dia com as temperaturas mais altas de todo inverno. Em Irajá, na Zona Norte da cidade, os termômetros marcaram 37,1ºC, com sensação térmica de 41,6ºC.

Antes deste recorde, a temperatura mais alta foi registrada no inverno em 12 de setembro de 2016 no mesmo bairro. Na ocasião, os termômetros marcara 41,6ºC.

Entenda a intensidade dos ventos de acordo com parâmetros técnicos do Sistema Alerta Rio

– Vento fraco (até 18,5 km/h) = move folhas nas árvores;

– Vento moderado (entre 18,5 km/h e 51,9 km/h) = levanta poeira e pequenos; papéis, move galhos de árvores e o guarda-chuva começa a ser usado com dificuldade;

– Vento forte (entre 52 km/h e 76 km/h) = capaz de balançar grandes árvores e quebrar galhos;

– Vento muito forte (acima de 76 km/h) = impossível andar contra o vento; pode derrubar árvores e causar danos em residências.

Recomendações em caso de ventos fortes:

O Centro de Operações Rio reforça, a seguir, as recomendações de segurança elaboradas pela Defesa Civil do Estado (Sedec-RJ) e pelo Corpo de Bombeiros do RJ diante da ocorrência de raios e rajadas de ventos fortes:

Em casa:

– Feche portas e janelas;

– Feche também persianas e cortinas para evitar que estilhaços se espalhem caso alguma janela quebre;

– Feche o registro de gás;

– Evite deixar objetos em locais altos, pois podem cair;

– Se faltar luz, cuidado com o uso de velas para evitar incêndios.

Na rua:

– Não se abrigue debaixo de árvores ou coberturas metálicas;

– Evite a prática de esportes ao ar livre, especialmente no mar;

– Evite ficar próximo a precipícios, encostas ou lugares altos sem proteção;

– Não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;

– Cuidado! Caso haja queda de árvore, é possível que a rede de energia tenha sido rompida.

Publicações do autor

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Não foi possível carregar as informações sobre o blog no momento.

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: