Estado

Prefeitura do Rio assina contrato de concessão do Polo Rio Cine Vídeo para modernização e construção de estúdios

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, assinou, nesta sexta-feira (15), o contrato da concessão de uso do Polo Rio Cine Vídeo, na Barra da Tijuca. A empresa Quanta DGT foi a vencedora da licitação e vai reestruturar e gerir por 30 anos o equipamento de 60 mil m² de área.

O projeto prevê investimento de, no mínimo, R$ 92 milhões, para transformar o complexo em uma referência para o setor audiovisual nacional. A concessão vai viabilizar a reforma de 5.200 m² dos oito estúdios atuais e a construção de mais 4.800 m², praticamente duplicando sua área de uso.

No total, o novo Polo contará, no mínimo, com 16 estúdios de alto padrão. Também serão construídos espaços comerciais para garantir infraestrutura de ponta para as produções do setor audiovisual, atraindo grandes produções nacionais e internacionais para a cidade.

“O audiovisual é um dos setores que têm a cara do Rio de Janeiro, pois sempre desempenhou um papel de protagonismo. Desde o início desse novo mandato, a RioFilme foi colocada em uma condição especial, o que mostra a importância que temos dado para o setor, que é uma atividade econômica muito importante para a cidade”, afirmou Paes.

Publicações do autor

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Não foi possível carregar as informações sobre o blog no momento.

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: