BORA VIAJAR CADERNO N

PARATY, A CIDADE QUE VIROU DESTINO TURÍSTICO

A cidade de Paraty, a 250 km do Rio, foi fundada em 1667 em torno à Igreja de Nossa Senhora dos Remédios, sua padroeira. Teve grande importância econômica no século XVIII quando escoava pelo Caminho do Ouro, o ouro e as pedras preciosas trazidas de Minas Gerais e no século XIX com os engenhos de cana-de-açúcar (chegou a ter mais de 250).
Em 1870, com a abertura de uma estrada de ferro entre Rio e São Paulo passando pelo Vale do Paraíba, Paraty foi perdendo importância. Com a abolição da escravatura em 1888, a maior parte da população abandonou a cidade, que ficou esquecida por décadas, quase 100 anos.
Somente após a abertura da Estrada Paraty-Cunha, e principalmente, após a construção da Rodovia Rio-Santos na década de 70, Paraty foi redescoberta e virou pólo de turismo nacional e internacional, devido ao seu bom estado de conservação e graças às suas belezas naturais. Não é a toa que hoje é o 10º destino mais visitado do Brasil.
Passear pelo Centro Histórico de Paraty é entrar num túnel do tempo, suas construções coloniais lindíssimas combinam com as pedras “pés-de-moleque” de suas ruas.
As construções de seus casarões e igrejas traduzem um estilo de época e os misteriosos símbolos maçônicos que enfeitam as suas paredes nos levam a imaginar como seria a vida no Brasil de antigamente. A proibição do tráfego de automóveis no Centro contribui para esta viagem pelo “Túnel do tempo”.
Em sua área encontram-se o Parque Nacional da Serra da Bocaina, a Área de Proteção Ambiental do Cairuçú, onde está a Vila da Trindade, a Reserva da Joatinga, e ainda, faz limite com o Parque Estadual da Serra do Mar. Ou seja, é Mata Atlântica por todo lado.
A cidade tem intensa programação cultural e religiosa o ano inteiro. Destaque para Festa Literatura Internacional de Paraty – FLIP, Festa do Divino, Festival da Cachaça, Festa Latina, Bourbon Festival, Mostra de Fotografia Paraty em Foco, Festival Gastronômico e o requisitado carnaval de rua.
E ainda mantém uma produção respeitável de cachaças em suas diversas destilarias com lojas espalhadas pelas ruas históricas. Sem falar no robusto complexo hoteleiro e gastronômico com muitos bares e restaurantes.
Fonte: www.paraty.com.br
Fotos: Secretaria de Turismo de Paraty

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: