EM BRASÍLIA

Milton Ribeiro confirma que Bolsonaro pediu a ele para receber pastor

O ex-ministro da educação Milton Ribeiro prestou depoimento à Polícia Federal (PF) nesta quinta-feira (31), em Brasília, e confirmou que recebeu o pastor Gilmar à pedido o presidente Jair Bolsonaro. No entanto, Ribeiro negou que tenha ocorrido qualquer tipo favorecimento.

Ribeiro deixou o comando do Ministério da Educação nesta segunda-feira (28) após denúncias de que ele estaria favorecendo pastores na distribuição de verbas da pasta. O pedido de exoneração foi entregue pelo então ministro ao presidente Jair Bolsonaro.

Na semana passada, o jornal “O Estado de S. Paulo” apontou a existência de um “gabinete paralelo” dentro do Ministério da Educação. O grupo seria formado por pastores, que controlariam a liberação de verbas e a agenda do MEC.

Publicações do autor

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Não foi possível carregar as informações sobre o blog no momento.

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: