Católicos em Ação NOTÍCIAS

Líderes não aprenderam lições do século 20, diz Papa

Em mais um pronunciamento contra a invasão da Ucrânia pela Rússia, o papa Francisco afirmou nesta segunda-feira (14) que os líderes que “governam a sorte dos povos” não aprenderam “as lições das tragédias do século 20”.

A declaração foi dada durante uma audiência com membros de uma entidade beneficente de empresários e industriais da região italiana do Lazio, onde fica a capital Roma.

Em seu discurso, Jorge Bergoglio disse que é necessário que “a política e a economia, em constante diálogo entre si, se coloquem decididamente a serviço da vida humana, e não a serviço da morte, como, infelizmente, acontece às vezes”.

“Diversas guerras regionais e especialmente a guerra em curso na Ucrânia demonstram que quem governa a sorte dos povos ainda não aprendeu as lições das tragédias do século 20”, afirmou Francisco.
De acordo com o Papa, as “grande crise financeira de 2008” poderia ter empurrado a humanidade para uma nova direção. “Mas, substancialmente, o mundo continua a ser governado por critérios obsoletos, para não falar do âmbito geopolítico e militar”, acrescentou.

Desde o início da invasão russa na Ucrânia, em 24 de fevereiro, Bergoglio tem feito diversos apelos em defesa da paz e recusou-se a adotar a narrativa do Kremlin de que trata-se apenas de uma “operação especial”, e não de uma guerra.

Além disso, o Vaticano criticou publicamente o patriarca da Igreja Ortodoxa Russa, Cirilo, por ter insinuado apoio à invasão. O Papa também se reuniu nesta segunda com o premiê da Eslováquia, Eduard Heger, e com o ministro das Relações Exteriores da Letônia, Edgars Rinkevics, para discutir a crise ucraniana.

Tags

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: