Destaque Mundo NOTÍCIAS

Fomos traídos por Putin com essa guerra, diz magnata russo

O empresário Timur Sardarov, CEO da MV Agusta, divulgou em uma carta aberta à imprensa uma crítica à invasão da Ucrânia pela Rússia e se diz traído pelo governo de Vladimir Putin.

“Para mim, como russo, é a maior tragédia dos meus 40 anos de existência. Nunca pensei que me sentiria tão traído pela ação do meu próprio país”, diz um trecho da carta.

Sardarov finaliza o comunicado dizendo que está rezando pelo povo ucraniano e também pelos jovens soldados russos que, segundo ele, “foram jogados neste conflito de matança de irmãos”.

Como mostramos, no décimo dia da invasão à Ucrânia, a Rússia declarou um cessar-fogo de cinco horas em Mariupol para permitir a saída de civis, mas é acusada por autoridades ucranianas de não interromper os bombardeios na região.

Rússia e Ucrânia devem realizar uma terceira rodada de negociações na segunda-feira, relata a Reuters. O negociador ucraniano David Arakhamiya disse, em um post no Facebook, que as conversas sobre o fim das hostilidades seriam retomadas, mas não forneceu mais detalhes.

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: