NITEROIMAIS

Revista Eletrônica de Niterói

Flamengo passeia e bate o Corinthians

O Flamengo  atropelou o time paulista no primeiro tempo e saiu de campo com a vitória por 3 a 1, com gols de Everton Ribeiro, Gustavo Henrique e Bruno Henrique marcaram para o Rubro-Negro. Vitinho descontou.
Agora, com Renato Gaúcho, a equipe carioca tem seis jogos, seis vitórias, 24 gols feitos e apenas três sofridos.
O primeiro tempo foi um massacre rubro-negro  com direito a três gols, bola na trave e posse de bola de 70%. O placar foi alterado logo aos seis minutos, com Everton Ribeiro. No erro na saída de bola corintiana, Arão desarmou, achou o meia, e o camisa 7 soltou o pé de fora da área, se chances para Cássio.
O Corinthians sentiu o golpe e não conseguia se achar em campo. O Flamengo tirou proveito e pressionava o time paulista, em busca do segundo gol, que quase saiu aos 23 minutos. Em mais um erro de saída de bola, Gabriel deixou Arrascaeta na cara do gol. O uruguaio driblou Cássio, ficou sem ângulo e tentou o cruzamento. Gabigol chutou forte, mas a bola explodiu na defesa.
Aos 37, foi a vez de Bruno Henrique levar perigo à meta de Cássio, mas o atacante parou no travessão. Gabigol fez a jogada pelo meio e lançou na medida para p camisa 27, que matou no peito, soltou o pé e viu a bola explodir na trave.
Mas, aos 39, não teve quem evitasse o segundo gol rubro-negro. Arrascaeta jogou a bola na pequena área, na medida para Gustavo Henrique, que, sozinho, ampliou de cabeça para o Flamengo. Quando o Corinthians esperava o fim do primeiro tempo para tentar respirar, o time carioca conseguiu o terceiro: Gabigol recebeu na ponta esquerda, levantou a cabeça e cruzou na segunda área, onde o camisa 27 subiu sem marcação para aumentar ainda mais a vantagem.
No segundo tempo, com ampla vantagem no marcador, o Flamengo tirou o pé e diminuiu o ritmo  de jogo, mas mesmo assim por pouco não chegou ao quarto. O Rubro-Negro envolveu a defesa do Corinthians dentro da área, mas Bruno Henrique furou praticamente dentro do gol, sem goleiro. O atacante até completou na sequência, mas a bolou bateu na mão antes, e Leandro Vuaden cancelou.
Aos 20, o Flamengo voltou a levar perigo ao gol do Corinthians, com Gabigol. O camisa 9 chutou de primeira no rebote do escanteio, mas Cássio chegou bem na bola.
Sem sofrer qualquer tipo de reação do Corinthians, Renato Gaúcho aproveitou para descansar alguns jogadores e fez cinco substituições na equipe. Saíram Arrascaeta, Everton Rbeiro, Bruno Henrique, Isla e Gustavo Henrique e entraram Michael, Pedro, Vitinho, Matheuzinho e Bruno Viana.
Já na reta final de jogo, com as duas equipes já esperando o apito de Leandro Vuaden, o Corinthians achou um gol. Fagner jogou na área, a zaga rubro-negra cortou para a entrada da área e o garoto pegou um chutaço de primeira, a bola desviou em Léo Pereira e enganou Diego Alves.
O Corinthians começou a gostar do jogo e, aos 47 minutos, acertou uma bola na trave. Vital recebeu, soltou a bomba de muito longe e quase marcou o segundo do Timão. A reação da equipe paulista aconteceu tarde demais e logo depois o árbitro apitou o fim do jogo.
Com a vitória, o Flamengo chegou a 24 pontos e subiu para a quinta posição e ainda tem dois jogos a menos. O Rubro-Negro agora vira a chave e volta a focar na Copa do Brasil. Na quinta-feira, o time de Renato Gaúcho enfrenta o ABC já com a vaga às quartas de final encaminhada, pois venceu o jogo de ida por 6 a 0.
Escalação do Flamengo
Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Gustavo Henrique (Bruno Viana), Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Diego, Everton Ribeiro (Pedro) e Arrascaeta (Michael); Bruno Henrique (Vitinho) e Gabi.
Técnico: Renato Gaúcho.

Escalação do Corinthians
Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo (Araos), Roni (Xavier), Gabriel (Vitinho), Gustavo Mosquito (Mateus Vital) e Adson (Marquinhos); Jô.
Técnico: Sylvinho.

Ficha técnica
Corinthians 1×3 Flamengo – 14ª Rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Neo Química Arena-SP
Data: 01/08/2021
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e José Eduardo Calza (RS)
Cartões amarelos: Roni (COR) e Arrascaeta (FLA)
Gols: Everton Ribeiro (6’1ºT), Gustavo Henrique (39’1ºT), Bruno Henrique (43’1ºT) e Vitinho (COR 43’2ºT).

%d blogueiros gostam disto: