full screen background image




Enquanto o Rio afunda, Crivella passeia

Durante sua viagem, o prefeito causou constrangimento na sede da Agência Espacial Europeia (ESA) ao divulgar como oficial uma visita que, de acordo com um funcionário da instituição, tinha “caráter puramente privado. O profissional, que não quis ser identificado, chegou a chamar de “badalação” a tentativa de Crivella de “vender” sua ida à agência — que fica na cidade alemã de Darmstadt, perto de Frankfurt — como uma contribuição para a segurança do Rio.

Em resposta, Crivella usou seu Facebook para dizer que estava na Suécia trabalhando, e que estava em Linköping “em busca de tecnologias que possam fazer parte do sistema de segurança da cidade”.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: