Católicos em Ação NOTÍCIAS

Defesa de Padre Robson pede que STJ primeiro julgue legalidade das provas

Os advogados de defesa do Padre Robson, de Trindade (GO), tiveram uma audiência com a assessoria do ministro Benedito Gonçalves, na tarde desta segunda-feira (22/11), para tratar do pedido de prisão do religioso feito pela Polícia Federal ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) na semana passada.

No encontro, o advogado Cleber Lopes ponderou com a assessoria do ministro que o julgamento do agravo regimental interposto pela defesa ainda em agosto, questionando a legalidade das provas, se sobrepõe ao do pedido de prisão.
“Mostrei que não faz sentido examinar o pedido de prisão agora, se o STJ vai decidir daqui a pouco, sobre a legalidade das provas obitidas, ao nosso ver, de forma ilegal, com invasão de computadores e obtidas de maneira ilícita”, relatou Lopes.
O recurso no qual a defesa questiona as provas do inquérito está na pauta de julgamento do dia 1º de dezembro, segundo Cleber Lopes. “Se forem consideradas ilegais (as provas), não há razão jurídica para a decretação de uma prisão. A impressão que tenho é que vão deixar para examinar (o pedido de prisão) depois do julgamento deste agravo”, avalia.

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: