NITEROIMAIS

Revista Eletrônica de Niterói

Com gol de Cano no primeiro minuto, Vasco vence o Sampaio Corrêa

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

O artilheiro Cano só precisou de 1 minuto para decidir a vitória do Vasco sobre o Sampaio, por 1 a 0, na noite desta sexta-feira, pela décima rodada da Série B do Brasileirão. Após o gol, o time da colina recuou e sofreu pressão, mas conseguiu segurar o resultado.

Com a vitória, o Vasco vai a 16 pontos e agora está em quinto lugar na tabela. Pela primeira vez, o técnico Cabo conseguiu duas vitórias consecutivas na competição. Ambas as equipes voltam a campo na terça-feira. O Vasco visita o Curitiba e o Sampaio Corrêa, enfrenta o Vitória.

No primeiro minuto, Vasco abre o placar

O jogo começou bom para o artilheiro Cano, que com apenas 1 minuto de jogo abriu o placar para o Gigante de Colina. No erro da saída de bola adversária, o atacante roubou a bola e partiu no contra-ataque. Tocou para Léo Matos, que enfiou na área, para Cano bater de primeira no fundo das redes.

O Sampaio Corrêa aproveitou o recuo vascaíno após o gol e foi em busca do empate. Aos 18 minutos, Luiz Gustavo tabelou com Paulo Sérgio e mandou uma bomba de direita para grande defesa de Vanderlei.

Mesmo com o Bolívia Querida tendo a posse de bola, o Vasco quase conseguiu marcar mais um. Aos 28 minutos, Marquinhos Gabriel recebeu, dominou e bateu, mas a bola desviou e foi para escanteio. Na cobrança, Léo Matos subiu sozinho na área e cabeceou firme para gol, mas Zé Maria tirou em cima da linha de cabeça.

Após 4 minutos, Cano soltou uma bomba na direção do ângulo, mas Mota voou para fazer uma linda defesa. O Sampaio ficou com a bola, propôs jogo e teve bons momentos, mas errou muito. O Vasco aproveitou os erros e armou bons contra-ataques, mas pecou na finalização.

Segunda etapa começou agitada e acabou morna

O Sampaio começou o segundo tempo pressionando bastante, mas sem conseguir ser efetivo. Enquanto o Vasco voltou do intervalo bastante retraído, dando bastante espaço. Ficou agitado, mas sem chances claras de gol. Depois, o jogo passou a ficar mais arrastado, o Cruzmaltino se fechou para tentar segurar o resultado.

Ciel marcou para empatar, mas o árbitro marcou impedimento, aos 31 minutos. Logo depois, na bola rasteira cruzada na área, Jajá finalizou de primeira, mas pegou fraco e Vanderlei defendeu. Riquelme mal entrou e quase ampliou o placar. Dançou na zaga adversária, bateu colocado, mas mandou para fora, aos 49 minutos. Uma segunda etapa sem grandes emoções

FICHA TÉCNICA

VASCO 1 X 0 SAMPAIO CORRÊA

Gol: Cano ( VAS 1’/ 1 T)

Cartão Amarelo: Ciel (44’/2T)

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (FIFA-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)

SAMPAIO CORRÊA: Mota; Luís Gustavo, Joécio, Paulo Sérgio e Zé Mario (Felipinho 13’/2T); Mauro Silva, Ferreira (Romarinho 30’/2T) e Gui Campana (Daniel Costa 13’/2T); Pimentinha (Jája 34’/2T), Jefinho (Ciel 30’/2T) e Jean Silva.Técnico:Felipe Surian

VASCO: Vandelei;Léo Matos, Castan, Ernando e Zeca; Andrey, Galarza (Figueiredo 21’/2T), MT (Arthur 31’/2T) e Marquinhos Gabriel (Sarrafiore 31/2T); Pec (Romulo 21’/2T)e Cano (Riquelme 45’/2T). Técnico: Marcelo Cabo

%d blogueiros gostam disto: