ARTE & LAZER Carnaval

Carnaval: Rio libera subsídio de R$ 1,5 mi para escolas do Grupo Especial

Riotur oficializou o repasse de verba em Diário Oficial nesta quinta-feira

Um dia depois do governador do Rio, Cláudio Castro (PL), e do prefeito Eduardo Paes (PSD) confirmarem os desfiles na Marquês de Sapucaí com regras sanitárias, a Riotur oficializou nessa quinta-feira que cada uma das 12 escolas do Grupo Especial receberá um subsídio de R$ 1,5 milhão como incentivo cultural. Os valores constam de despachos publicados no Diário Oficial, com data retroativa a segunda-feira. Na última edição da festa em 2020 — a folia foi cancelada este ano por causa da pandemia de Covid-19 —, o ex-prefeito Marcelo Crivella não liberou recursos para a elite do carnaval carioca.

Nesta quarta, Paes disse que os desfiles na Sapucaí estão garantidos, caso não ocorram mudanças em relação à pandemia da Covid-19. Os cortejos dos blocos de rua, no entanto, ainda estão sob análise. De acordo com o prefeito, eventos como os bailes em ambientes fechados e os desfiles na Marquês de Sapucaí podem ter controle para a cobrança do passaporte de vacinação e/ou testes para o público, exigências feitas, por exemplo, para as torcidas nos estádios em partidas de futebol. Tais regras, no entanto, não teriam controle nos blocos, por isso ainda terão análise detalhada.

Castro afirmou, também na quarta, que as decisões sobre o carnaval de 2022 serão tomadas até 15 de janeiro, em reunião com Paes. O governador disse concordar com o prefeito do Rio sobre o controle no acesso aos desfiles.

%d blogueiros gostam disto: