ARQUIBANCADA Botafogo Campeonato Carioca

Botafogo leva 2 a 0, corre atrás, vence o Madureira de virada

O Madureira chegou a abrir 2 a 0, mas o Botafogo foi atrás, virou e comemorou muito. Assim pode ser definida o triunfo do Alvinegro por 4 a 2 sobre o Tricolor Suburbano na noite desta quinta-feira no Estádio Nilton Santos, pela 3ª rodada do Campeonato Carioca. Pipico fez os dois do MEC, enquanto Kanu, Diego Gonçalves, Carli e Raí fizeram para o Glorioso.

Com o resultado, o Botafogo termina a rodada na liderança do Estadual. O time comandado por Enderson Moreira tem 7 pontos, mesma quantidade do Flamengo, mas fica à frente pelo número de gols pró.
O Botafogo volta aos gramados na próxima segunda-feira para enfrentar o Nova Iguaçu às 21h no Estádio Nilton Santos. O Madureira mede forças com o Vasco no domingo, às 15h30.

TUDO MEC!
O Botafogo até começou a partida pressionando e com chances no campo ofensivo, mas o primeiro grito de alegria da partida veio do Madureira. Após confusão na área logo nos primeiros instantes, Kanu derrubou Rafinha dentro da área. Na cobrança, Pipico deslocou Gatito e saiu para o abraço.

PRESSÃO, PRESSÃO…
​O placar negativo não acuou o Botafogo. O time, mesmo diante de dificuldades táticas, foi atrás de um empate. A equipe tinha dificuldade para chegar ao ataque mas obrigou Dida a fazer duas boas defesas: uma em chute de Diego Gonçalves e outra em bola de Matheus Nascimento. Mesmo com as tentativas, o Glorioso foi ao intervalo em desvantagem.

QUANDO TUDO PARECIA QUE IA DAR ERRADO…
Balde de água fria. Mesmo sem impressionar, o Botafogo terminou o primeiro tempo pressionando. Tudo parecia ter ido por baixo quando, em outra confusão na defesa do Alvinegro, o Madureira chegou pelos lados e Pipico, de novo, balançou as redes.

A reação foi imediata. Dois minutos depois, o Botafogo devolveu a desvantagem para um gol. Em cobrança de escanteio, Kanu, de voleio, balançou as redes pela primeira vez com a camisa do Glorioso – uma ótima hora para fazê-lo.

INCENDIOU!
O Botafogo cresceu com o gol. Poucos minutos depois, Diego Gonçalves apareceu na cara de Dida, mas finalizou por cima e desperdiçou uma chance de ouro pelo empate.

​O camisa 11 teve outra oportunidade e, na segunda, não perdoou. Com passe de Matheus Nascimento, Diego Gonçalves entrou a cara a cara com Dida e deslocou o goleiro do Madureira para empatar o duelo.

VIRA, VIRA, VIROU!
O Botafogo não desistiu e o 2 a 0 contra virou um 3 a 2 a favor. Em falta cobrada por Daniel Borges na direita, a defesa do Madureira não conseguiu afastar e Joel Carli se adiantou para empurrar para o gol.

E deu tempo para mais. Já no fim do jogo, Jonathan Silva cruzou na medida para Raí, que mudou o jogo, completar para o fundo das redes e também marcar pela primeira vez como profissional.

FICHA TÉCNICA
Botafogo x Madureira

Data e horário: 03/02/2022, às 18h
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Alex Gomes Stefano
Assistentes: Diogo Carvalho Silva e Daniel de Oliveira Alves Pereira
​Cartões amarelos: Fabinho, Breno, Kanu e Carli (BOT); Mário Pierre e Rafinha (MEC)
​Cartões vermelhos:

Gols: Pipico (0-1, 14’/1ºT); Pipico (0-2, 8’/2ºT); Kanu (1-2, 11’/2ºT); Diego Gonçalves (2-2; 18’/2ºT); Joel Carli (3-2; 31’/2ºT)

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Daniel Borges, Carli, Kanu, Carlinhos (Jonathan Silva/Intervalo); Fabinho, Breno; Vitinho (Luiz Fernando/Intervalo), Felipe Ferreira (Raí/Intervalo), Diego Gonçalves; Matheus Nascimento (Erison 34’/2ºT). Técnico: Enderson Moreira.

MADUREIRA: Dida; Rhuan Rodrigues, Mário Pierre, Edgar Silva, Feliphe Gabriel; Felipe Dias, Marino, Rafinha; Diogo Carlos, Pipico, Erick Pulga. Técnico: Alfredo Sampaio.

Tags

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: