EM BRASÍLIA PAUSA PARA O CAFÉ POLÍTICA

Bônus a servidor da Receita está parado na Casa Civil

A Receita Federal informou que um decreto que prevê bônus de produtividade para a categoria está parado na Casa Civil desde setembro. A medida seria uma forma de compensar a classe, que iniciou uma paralisação nacional. A categoria reclama da falta de respostas do presidente Jair Bolsonaro (PL) às demandas dos servidores.

“O documento foi encaminhado à Casa Civil em 16 de setembro de 2021. Portanto, desde quando foi deflagrado o movimento, não houve nenhuma sinalização concreta por parte do governo”, esclareceu o Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil (Sindifisco).

Na última segunda-feira (27/12), quando auditores iniciaram uma paralisação nacional, o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, se reuniu com a administração da Receita Federal, mas não houve acordo entre as partes.

O bônus contemplaria apenas os servidores da Receita, deixando de fora todo o resto do funcionalismo. “A princípio, esse decreto que a equipe econômica diz estar preparando não beneficiaria todas as carreiras que ficaram insatisfeitas”, afirmou a instituição.

Em período de férias até 7 de janeiro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, é contra reajustes salariais ao funcionalismo público neste momento.

RÁDIO JN

ESTÚDIO AO VIVO

Leia o QR Codes e tenha a Rádio JN a um clique no seu smartphone Android

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu iPhone

Baixe o App e tenha a RádioJN a um clique no seu smartphone Android

Veja as câmeras de monitoramento de Niterói

Não foi possível carregar as informações sobre o blog no momento.

Siga-me no Twitter

%d blogueiros gostam disto: