full screen background image

Vereador Bruno Lessa move ação popular contra a Prole e o Prefeito Rodrigo Neves

O prefeito Rodrigo Neves e a Prole são réus numa ação popular que o vereador Bruno Lessa entrou  ontem, pedindo ressarcimento aos cofres públicos de tudo que foi pago à empresa.

Nos últimos anos, foram gastos mais de R$ 60 milhões em publicidade. “Tudo pago com o nosso dinheiro!” declarou o vereador.

Na ação, pede a condenação do prefeito por improbidade administrativa e liminarmente o cancelamento de qualquer pagamento à Prole, além de suspensão da licitação para contratação de empresa de publicidade.

Em delação à Operação Lava Jato, Renato Pereira, sócio da Prole mencionou o Prefeito Rodrigo Neves e o Governador Sérgio Cabral.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: