full screen background image




Vasco entra com recurso para ganhar pontos de Joinville e anular rebaixamento

003A diretoria do Vasco resolveu ir ao STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) para tentar ganhar os pontos da derrota por 5 a 1 para o Atlético-PR e anular o rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

A queda foi confirmada no último domingo em partida marcada pela briga generalizada entre as torcidas dentro da Arena Joinville, que paralisou o jogo por mais de uma hora.

O documento será protocolado na próxima terça-feira e o clube vai alegar que o Regulamento Geral de Competições foi ferido em razão de a partida ter sido reiniciada após 73 minutos de paralisação.

O prazo no artigo 21 do regulamento feito pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) fala em 30 minutos de pausa e mais 30 de acréscimo. O vice de futebol Ercolino de Luca desabafou e mostrou confiança na operação. “O regulamento diz isso. O árbitro continuou o jogo após quase 75 minutos de paralisação. A tolerância é muito clara. Eles intimidaram o Vasco a jogar. Fiz a sugestão de tirar o time de campo em duas oportunidades. O juiz não deixou. Perguntei se sairia vivo dali se o Vasco vencesse… “, afirmou Luca ao UOL Esporte. “Foi um erro do árbitro e estamos tentando ir atrás disso. Não é uma virada de mesa, é outra situação. Não tinha a menor condição de ter jogo e fomos pressionados de todas as formas”, completou o dirigente.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: