STJD nega impugnação de partida e confirma rebaixamento do Vasco

281120132655O recurso do Vasco pedindo a impugnação da partida contra o Atlético-PR foi negado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) nesta quinta-feira.

O presidente Flávio Zveiter invalidou a solicitação e manteve o placar de 5 a 1 para os paranaenses no confronto. Sendo assim, não haverá julgamento sobre o caso e o rebaixamento do Cruzmaltino está sacramentado no Campeonato Brasileiro. A informação foi confirmada  pelo procurador geral do STJD, Paulo Schmitt. O representante do órgão informou ainda que o clube cruzmaltino já foi comunicado da decisão.

O departamento jurídico de São Januário vai solicitar reconsideração do pedido como última possibilidade de êxito. Desta forma, será preciso que Zveiter recue da decisão para levar a questão ao julgamento direto no Pleno, sem que ocorra audiência nas comissões disciplinares.

O clube alegou no documento inicial falta de condições de segurança para ter direito aos pontos do jogo e evitar o rebaixamento para a segunda divisão. A expectativa era a de que o órgão acatasse o pedido e marcasse o julgamento.O Cruzmaltino também lembrou no ofício o tempo excedente de paralisação ao regulamento por conta da briga generalizada entre as torcidas nas arquibancadas da Arena Joinville.Foram 73 minutos de pausa, enquanto o artigo 21 do regulamento feito pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) estabelece um prazo de 30 minutos e mais 30 de acréscimo para situações desse tipo.O texto do regulamento diz que o árbitro pode suspender o jogo mesmo que a segurança ofereça garantias.

O Vasco ainda deseja provar que o Atlético-PR foi o responsável pela condição de realização do jogo. Desta forma, o clube seria declarado vencedor nos tribunais, somaria três pontos, e anularia o rebaixamento, trocando de lugar com o Criciúma.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: