Botafogo bate o Resende e está na semifinal

O Botafogo entrou em campo dependendo de suas próprias forças para avançar na Taça Rio. Contra o Resende, no Nilton Santos, o Glorioso venceu por 3 a 2 em confronto realizado neste domingo. Com o resultado, a equipe de General Severiano se garantiu na semifinal do Carioca e também na fase decisiva do segundo turno do campeonato.

Os gols da partida foram marcados por Rodrigo Lindoso e Sassá, dois, pelo Botafogo. Pingo e Thiago Sales diminuiuram para a equipe do Resende.

O JOGO

1º tempo

A primeira oportunidade veio dos pés de Victor Luis, que chegou pela esquerda e cruzou com o pé direito. A bola chegou até Pimpão, que passou para Camilo dentro da área, o camisa 10 do Botafogo furou, mas Montillo arriscou chute perigoso para defesa de Arthur. A jogada levantou a torcida no Nilton Santos.

Totalmente pressionado, o Resende seguia tentando buscar espaços na defesa advsersária. Dieyson tentou cruzamento pela direita, mas ninguém conseguiu completar a jogada.

Aos 15 minutos, Rodrigo Pimpão recebeu pela ponta esquerda, passou bonito por dois marcadores e arriscou chute forte para o gol. O goleiro Arthur espalmou, e Roger não conseguiu pegar bem no rebote.

O primeiro gol do Botafogo saiu aos 30 minutos. Camilo cobrou escanteio e Renan Fonseca cabeceiou para o gol, Lindoso desviou na frente de Arthur e marcou para o alvinegro, tirando qualquer chance de defesa do goleiro do Resende.

Antes do intervalo a equipe de General Severiano teve mais uma oportunidade de ampliar o placar. Camilo cobrou uma falta direto para o gol e mandou para fora, a bola passou perto da meta do goleiro advsersário.

2º tempo

O Resende voltou para o segundo tento com uma modificação. Vitinho deixou a equipe para a entrada de Lohan. Aos dois minutos, Montillo tentou duas vezes a finalização, mas a bola bateu na defesa e saiu pela linha de fundo.

Com pressão total da equipe do Botafogo, Victor Luis cruzou na medida para Roger, que ficou sozinho após bobeada do zagueiro do Resende, porém cabeceiou muito mal para o chão.

Aos 20 minutos, o Resende empatou com Pingo. Jhulliam achou o companheiro em boa colocação. O atacante chegou na frente de Renan Fonseca e bateu cruzado de canhota no cantinho esquerdo de Gatito. Deixando tudo igual no Nilton Santos.

Em seguida, o Glorioso chegou mais uma vez com perigo. Camilo cobrou escanteio e Emerson Silva chegou muito bem para testar com força e obrigar Arthur a espalmar bonito para evitar o gol alvinegro.

Aos 37, Robinho cometeu penalidade máxima em cima do atacante Guilherme. O jogador do Resende deu o bote no atacante, mas não pegou a bola. Na cobrança do pênalti Sassá converteu e colocou o Botafogo na frente de novo.

Após o segundo gol do Alvinegro, Pimpão cruzou da direita e Sassá, de bicicleta empurrou a bola para o fundo da rede.

Não demorou muito e o Resende respondeu com Thiago Sales. Robinho mandou a bola na área, Thiago Sales desviou de cabeça e a bola foi para fundo do gol.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 3 X 1 RESENDE

Estádio: Estádio Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ).
Arbitragem: Carlos Eduardo Nunes Braga.
Renda/Público: Público pagante: 8.620; público presente: 10.147; renda: R$ 91.610,00
Cartões Amarelos: Emerson Silva (Botafogo), Rodrigo Pimpão (Botafogo), Chacal (Resende),
Cartões Vermelhos:
Gols: Rodrigo Lindoso, aos 30’/1ºT, Pingo, aos 20’/2ºT, Sassá, aos 40’/2ºT e 42’/2º e Thiago Sales, aos 47’/2ºT

BOTAFOGO – Gatito Fernandez, Marcinho (Fernandes), Renan Fonseca, Emerson Silva, Victor Luis, Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Montillo, Camilo (Guilherme), Rodrigo Pimpão, Roger (Sassá). Técnico: Jair Ventura.

RESENDE – Arthur, Muriel, Marcelo Costa, Thiago Sales, Dieyson, Vitinho (Lohan), Chacal, Léo Silva, Marcel (Robinho), Pingo (Wandinho), Jhulliam. Técnico: Ademir Fonseca.

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *