Na raça e com gol de Hernane, Fla vence o Volta Redonda

11Na garra e lutando até o fim. Assim, o Flamengo venceu o Volta Redonda por 1 a 0 na estreia do lateral João Paulo e do volante Elias, em Moça Bonita, pela terceira rodada da Taça Guanabara. Com o placar, o Rubro-Negro chegou aos sete pontos, em três partidas. O gol do jogo foi do artilheiro Hernane, o terceiro dele na competição.

O técnico Dorival Júnior armou o time em um 4-3-3 com Rafinha e Nixon abertos pelas pontas, se movimentando e invertendo posições. O esquema do treinador funcionou e o Flamengo foi melhor durante toda a partida. No primeiro tempo, Elias jogou um pouco mais avançado e conseguiu mostrar um pouco de toda a sua categoria e visão de jogo. O volante deu bons passes e demonstrou aos rubro-negros que será muito útil ao time durante a temporada. Na esquerda, João Paulo se apresentou bem no apoio.

Apesar da maior posse de bola, o Mengão não conseguia balançar as redes do goleiro Gatti. Nixon e Hernane chegaram a perder gols de dentro da área, após boas jogadas pela linha de fundo. Mesmo sem marcar, os jogadores do Flamengo não desanimavam e lutavam muito. Porém, mesmo com os esforços, o primeiro tempo terminou mesmo em 0 a 0.

O segundo tempo começou com o Flamengo pressionando. A boa movimentação do meio de campo rubro-negro conseguia fazer o Flamengo criar boas jogadas. Após um belo passe, Hernane conseguiu invadir a área e foi derrubado. Porém, o árbitro resolveu ignorar a falta e não marcou o pênalti. Após uma linda tabela pela esquerda, Rafinha cruzou e Cáceres fez de cabeça o que seria o primeiro gol do jogo. Mas, outra vez, a arbitragem errou e inventou um impedimento de Rafinha, anulando a jogada.

Os jogadores do Flamengo não pararam de atacar e lutaram até os últimos minuto. A dedicação e a raça demonstrada dentro de campo foram recompensadas aos 48 minutos, quando Hernane acertou um chute rasteiro no canto de Gatti e garantiu mais três pontos para o Rubro-Negro.

“Foi um jogo difícil e complicado. Criamos bastante e a bola não entrava. Cheguei a errar um gol quase que  inacreditável, mas graças a Deus consegui acertar depois um bom chute e a bola entrou. Conseguimos a vitória e isso é o mais importante”, comentou o atacante depois do apito final.

Antes da partida começar, foi respeitado um minuto de silêncio por conta da tragédia em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. O Flamengo volta ao Estadual na próxima quinta-feira, contra o Vasco no Engenhão às 19h30.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: