Lula, Palocci e Mantega devem perder advogado

O advogado José Roberto Batochio deve abandonar a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos ex-ministros Antonio Palocci e Guido Mantega. Ele defende os três no âmbito da Operação Lava Jato.

As informações são da colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo.

Segundo o jornal, Batochio está diante de um dilema ético porque se opõe ao uso de delações premiadas. Como Palocci negocia colaboração com o Ministério Público Federal, o advogado deve abandonar o caso.

É possível também que uma delação de Palocci atingisse Lula, o que obrigaria o advogado a confrontar dois clientes. Caso Batochio deixe a defesa do ex-presidente, ele será a segunda baixa na equipe de advogados do petista. Em março, o criminalista Juarez Cirino dos Santos também deixou de representar o ex-presidente.

Ainda segundo a coluna, Mantega também deve passar a ser representado por outro advogado na Lava Jato.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: