Jorge Sampaoli é o nome de Wallim Vasconcelos, caso eleito no Fla

No intuito de contra-atacar a proposta feita pela chapa do atual presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Melo, a Muricy Ramalho, o candidato Wallim Vasconcelos, da Chapa Verde, sondou o argentino Jorge Sampaoli, atual técnico do Chile, para dirigir o rubro-negro, caso eleito na próxima segunda-feira (7), na Gávea.

O ex-zagueiro do Fla, e atual representante do treinador, Gélson Baresi, confirmou que foi procurado por Wallim para tratar do assunto.

– É verdade, o Jorge Sampaoli ficou muito bem impressionado com os integrantes do grupo da Chapa Verde. Destacou a maneira clara e objetiva como o plano foi apresentado, demonstrando que os dirigentes são muito bem preparados e conhecem bem a gestão do clube – afirmou Baresi, que trabalha com o técnico da seleção chilena desde 2012.

Indicado ao prêmio de melhor técnico do mundo, pela FIFA, com os espanhóis Pep Guardiola e Luis Enrique, Sampaoli, de 55 anos, recebe cerca de US$ 5 milhões por ano (aproximadamente R$ 19,3 milhões) no Chile. Contudo, a multa contratual está estipulada em US$ 7,5 milhões (cerca de R$29 milhões). O Valencia, da Espanha, é outro interessado no treinador.

Gélson Baresi, no entanto, não confirmou a existência de um pré-contrato entre as partes, mas disse que há um acordo com o grupo de Wallim.

– Tenho que aguardar as eleições, até porque não sabemos quem vai ser o presidente. O que eu posso dizer é que isso não é jogada política. Existe um acordo até porque como afirmei não sabemos quem vai ser eleito – finalizou.

Três chapas concorrem ao pleito da próxima segunda-feira. A Chapa Branca, cujo candidato é Cacau Cotta; A Chapa Verde, de Wallim Vasconcelos e a Chapa Azul, do atual presidente em exercício Eduardo Bandeira de Melo.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: