A greve fracassou. Não foi paralisação e sim obstrução

A greve geral convocada por centrais sindicais e movimentos sociais para esta sexta-feira (28) contra as reformas da Previdência e trabalhista foi um fracasso,

Você pega milhares de pessoas obstruídas por 15, 20, 50 pessoas e impede as estão querendo ir trabalhar.

As centrais,estão preocupadas com as decisões desta semana do Congresso Nacional, que estão tirando recursos bilionários delas com o fim da contribuição sindical obrigatória, uma das medidas previstas no projeto de reforma trabalhista aprovado na Câmara nesta quarta (26).

A mobilização nesta sexta foi convocada pelas nove centrais sindicais do país –Força Sindical, a Central Única dos Trabalhadores (CUT), a União Geral dos Trabalhadores (UGT), a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), a Intersindical, a CSP/Conlutas, a Nova Central, a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) e a Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB).

Em Niterói depois de bloquearem a passagem de carros na ponte Rio-Niterói,onde 5 carros, a maioria de luxo, e contando com a ajuda da lerdeza da Polícia Rodoviária Federal que alegava não ter conseguir chegar mais rápido ao local(quando eles querem vão até pela contramão).

Nas Estações das Barcas os manifestantes  impediram o acesso de passageiros , tendo havido  confronto com a Polícia.Após horas de observação sem ação, esta conseguiu liberar do acesso de passageiros.

Os efeitos da manifestação contra as reformas trabalhista e da Previdência Social ainda provocam transtornos no trânsito e ao comércio principalmente no Centro da cidade.

 




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: