full screen background image




Fluminense leva virada do Atlético-PR

Abel Braga escalou uma equipe quase completa na partida contra o Atlético-PR, apesar disso, o Fluminense acabou não tendo uma boa atuação e foi derrotado pelo Furacão por 3 a 1 em confronto realizado na Arena da Baixada.

A equipe carioca saiu na frente com Henrique Dourado, mas permitiu a virada dos donos da casa no segundo tempo com gols de Felipe Gedoz, Ribamar e Jonathan.

O Fluminense volta aos gramados na quinta-feira em duelo pela Sul-Americana contra a LDU, em Quito. Pelo Brasileiro, o Tricolor joga no próximo domingo contra o Palmeiras, no Maracanã. O Furacão volta a jogar no próximo sábado contra o Santos, na Vila Belmiro.

O JOGO

Com quase força máxima, o Fluminense teve muitas dificuldades no primeiro tempo contra o Atlético-PR. Setor mais mexido por Abel, o meio-campo tricolor se mostrou bastante perdido na partida e possibilitou boas oportunidades que os donos da casa não conseguiram aproveitar. Na única chance que teve os visitantes saíram na frente.

A primeira boa oportunidade aconteceu aos 16 minutos. Nikão recebeu pela direita e finalizou, a bola passou muito perto da trave de Júlio César, assustando a equipe tricolor. Um conhecido do futebol carioca teve uma boa chance no lance seguinte. Ribamar avançou com liberdade, entrou na área e obrigou o goleiro tricolor a fazer uma grande defesa.

O Atlético-PR vacilava bastante no último passe e por conta disso não conseguiu criar outras oportunidades antes do intervalo. Mesmo desencontrado em campo, o Fluminense acabou indo para o intervalo com a vantagem.

Já nos acréscimos do primeiro tempo, Scarpa cobrou escanteio e Henrique Dourado apareceu bem para cabecear e abrir o placar para o Fluminense.

A segunda etapa começou e o Atlético-PR conseguiu o empate. Em cobrança de falta, Felipe Gedoz deixou tudo igual. A barreira do Fluminense facilitou muito a vida do jogador ao abrir e ainda desviar a cobrança.

A partida ficou mais equilibrado, com o Fluminense mais presente no ataque que no primeiro tempo, mas o clube carioca acabou sendo castigado. Ribamar, que tinha o costume de fazer gols no Tricolor, quando defendia o Botafogo, apareceu para virar.

A equipe carioca ainda levou mais um. Jonathan, ex-jogador do Fluminense, apareceu para dar números finais ao duelo na Arena da Baixada.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 3X1 FLUMINENSE

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Árbitro: Raphael Claus (SP/Fifa)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP/Fifa)
Renda/Público: Ainda não divulgados.
Cartões amarelos: Fabrício, Lucho González e Thiago Heleno (CAP); Wendel, Marlon e Frazan (FLU).
Cartão vermelho: Não houve.
Gols: Henrique Dourado (0-1, 47’/1ºT), Felipe Gedoz (1-1, 12’/2ºT), Ribamar (2-1, 34’/2ºT) e Jonathan (3-1. 45’/2T)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Wanderson, Thiago Heleno e Fabrício; Pavez e Lucho González (Matheus Rossetto, Intervalo); Nikão, Pablo (Matheus Anjos, 17º/2ºT) e Felipe Gedoz (Sidcley, 22’/2ºT); Ribamar – T: Fabiano Soares

FLUMINENSE: Júlio César; Mateus Norton, Nogueira, Frazan e Marlon; Marlon Freitas, Richard (Renato, 27’/2ºT) e Wendel; Gustavo Scarpa, Wellington Silva (Peu, 25’/2ºT) e Henrique Dourado (Marcos Junior, 31’/2ºT) – T: Abel Braga




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: