Flamengo vence o América-MG e encosta no G-4

Em um jogo que esteve longe de ser empolgante, o Flamengo derrotou o América-MG por 2 a 1 na noite desta segunda-feira (25), no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), no complemento da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro, que teve seus gols anotados por Paolo Guerrero e Alan Patrick, chegou aos 27 pontos e está na sexta colocação, perto do G-4, a zona de classificação para a Copa Libertadores.

A partida começou como era esperado. O Flamengo mais presente no campo de ataque, enquanto que a prioridade do América era se defender.

De emoção nos primeiros 20 minutos apenas um cruzamento de Mancuello, que forçou a antecipação do goleiro João Ricardo diante de uma iminente cabeçada de Guerrero.

O primeiro lance de perigo, por incrível que poderia parecer, foi do América, aos 28 minutos. Após Juninho roubar a bola, tentou cruzamento e Alex Muralha defendeu com dificuldades, cedendo escanteio. O Flamengo respondeu dois minutos depois, quando Willian Arão acionou Guerrero, que só teve o trabalho de deslocar o goleiro. Porém, o árbitro Rodrigo Batista Raposo corretamente anulou o lance marcando impedimento do peruano.

Aos 35 minutos Guerrero voltou a assustar a defesa do campeão mineiro após cabecear para fora um cruzamento de Chiquinho.

Nos minutos finais do primeiro tempo o Flamengo intensificou a pressão. Aos 37 Fernandinho avançou e chutou da entrada da área para fora. Dois minutos depois foi a vez de Alan Patrick arriscar e o goleiro dar rebote. Willian Arão pegou a sobra e cruzou para Guerrero cabecear e João Ricardo salvar. A pressão continuou forte. Aos 41 minutos Alan Patrick cobrou escanteio, João Ricardo cortou mal e Juan cabeceou sobre o gol. No último lance da primeira etapa, Pará cruzou, Guerrero dominou e chutou sobre o gol.

Na volta para o segundo tempo o Flamengo seguiu acelarando o ritmo. Aos quatro minutos Pará chutou de fora da área e a bola passou sobre o gol. O lateral passou a ser figura mais presente no campo de ataque, se oferecendo e acabou premiado aos 11 minutos. O jogador recebeu na direita, cruzou e Guerrero completou para o fundo da rede, abrindo o placar.

O lance tirou a estabilidade do América e o Flamengo tratou de ampliar três minutos depois. Mancuello lançou Guerrero e a bola bateu dentro da área no braço de Roger. O pênalti foi marcado e Alan Patrick converteu sem chances para João Ricardo.

Por muito pouco o terceiro gol carioca não saiu aos 16 minutos em um contra-ataque. Willian Arão lançou Guerrero, que invadiu a área e chutou na trave. O Flamengo seguiu pressionando e aos 27 Rafael Vaz cruzou, Pará ajeitou e Guerrero completou para fora, fazendo a bola raspar a trave.

O América demorou para se reequilibrar, mas voltou a assustar aos 30 minutos, quando Danilo cobrou falta e a bola raspou a trave esquerda de Alex Muralha. Dois minutos depois o Coelho conseguiu descontar. Danilo cruzou e Juninho, meio sem jeito, escorou para o fundo da rede. Nos minutos finais o América esboçou uma pressão, se aproveitando do recuo do Flamengo. Porém, a maior qualidade dos cariocas prevaleceu e eles conseguiram segurar o marcador.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 X 1 AMÉRICA-MG

Local: Estádio Kleber Andrade, em Cariacica, no Espírito Santo
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Cartão amarelo: Alex Muralha (FLA)
Público: 14.966 pagantes / 16.523 presentes

Gols: 10’/2°T, Guerrero (1-0); Alan Patrick, 14’/2°T (2-0); Juninho, 31’/2°T (2-1)

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Juan e Chiquinho (Rafael Vaz, 23’/2°T); Márcio Araújo, Arão, Mancuello e Alan Patrick (Adryan, 41’/2°T); Fernandinho (Gabriel, 33’/2°T) e Guerrero. Técnico: Zé Ricardo.

AMÉRICA-MG: João Ricardo, Pablo, Roger, Alison e Bruno Teles (Danilo, 26’/2°T); Leandro Guerrero, Juninho, Osman e Alan Mineiro (Claudinei, 17’/2°T); Victor Rangel (Michael, 17’/2°T) e Gilson. Técnico: Enderson Moreira.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: