full screen background image




Fla vence o Santos e fica com a vice-liderança

O Flamengo entrou em campo diante do Santos, na tarde deste domingo, para lutar pela vaga direta na fase de grupos da Libertadores e o prêmio de R$ 10,7 milhões – entregue ao segundo colocado no Brasileirão. Com gols de Guerrero e Diego, o Rubro-Negro cumpriu o objetivo e venceu o Peixe por 1 a 0, no Maracanã.

Para fechar sua participação no Brasileirão deste ano, o Rubro-Negro ainda terá o Atlético-PR pela frente. O jogo será disputado no próximo domingo, às 17h, na Arena da Baixada. Com o resultado da partida contra o Santos, o Flamengo chegou aos 70 pontos.

O JOGO

Contando com a força de sua torcida, que compareceu ao Maracanã, o Flamengo levou um susto logo no segundo minuto de jogo. Victor Ferraz cruzou, Muralha espalmou e, no rebote, Thiago Maia chutou com perigo. A bola desviou na zaga rubro-negra e foi para escanteio. A resposta veio logo aos 4 minutos, com Guerrero aproveitando a saída de bola errada do Santos e mandando uma bomba de fora da área para abrir o placar.

Aos 25, pressão do Flamengo. Em mais um erro de uma tarde pouco inspirada da zaga santista, Thiago Maia afastou mal após cruzamento de Gabriel, Guerrero chutou forte de fora da área, mas a bola subiu muito. Sem dar tempo para o Santos se recompor, Diego cruzou na área, Vanderlei saiu mal e Jorge ficou com a bola. Em novo cruzamento, Gabriel cabeceou em cheio no travessão.

Com o jogo aberto, foi a vez do Santos encontrar uma boa oportunidade de empatar a partida. Victor Ferraz recebeu livre na direita e finalizou para a defesa de Muralha. Apesar do domínio do Peixe, o Flamengo levava mais perigo nas finalizações. O que aconteceu quando Pará puxou um ótimo contra-ataque e Diego encontrou Guerrero, que chutou com perigo à esquerda do gol de Vanderlei.

Na volta para o segundo tempo, Guerrero desperdiçou uma das melhores chances da partida. Aos 5, Everton puxou o contra-ataque, tocou para o peruano que, de cara para o gol, mandou a bola por cima. Aos 9, foi a vez de acionar Muralha. Vitor Bueno cruzou para Ricardo Oliveira cabecear sozinho, o goleiro rubro-negro fez uma bela defesa, mas o centroavante já estava em posição irregular no lance.

O jogo esfriou na segunda etapa, mas o Flamengo seguiu criando boas oportunidades de ampliar o placar. Aos 22, Everton ajeitou para Marcio Araújo chutar com perigo, mas o goleiro do Santos apareceu para afastar o perigo. Em seguida, Gabriel cruzou, David Braz desviou e a boa sobrou nos pés de Guerrero, que voltou a desperdiçar uma grande chance de fazer o seu segundo na partida.

Se Guerrero desperdiçou boas chances, Diego não perdoou. Aos 39, Pará cruzou para a área e, no segundo pau, o meia esticou a perna esquerda e mandou a bola no fundo da rede, para confirmar a vitória do Flamengo diante do Santos.
FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 X 0 SANTOS

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Arbitragem: Eduardo Tomaz de Aquino Valadao
Gols: Guerrero (Flamengo – aos 4′ do 1º tempo) e Diego (Flamengo – aos 39′ do 2º tempo)

FLAMENGO: Alex Muralha; Pará, Rafael Vaz (Juan), Réver, Jorge; Willian Arão, Márcio Araujo, Everton; Guerrero (Leandro Damião), Diego e Gabriel. Técnico: Zé Ricardo.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Yuri, Zeca; Renato (Arthur Gomes), Thiago Maia, Lucas Lima, Vitor Bueno (Léo Cittadini); Copete e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: