Botafogo e Corinthians empatam

11O Botafogo saiu na frente e jogou bem, mas não conseguiu estrear com vitória no Campeonato Brasileiro. O time comandado por Oswaldo de Oliveira empatou em 1 a 1 com o Corinthians na noite deste sábado, no Pacaembu. Rafael Marques fez para o campeão carioca e Paulinho marcou para o campeão paulista.

Na próxima rodada, quarta-feira, o Botafogo recebe o Santos. O Corinthians joga fora de casa contra o Goiás.

– Começamos jogando bem. O Botafogo merecia vencer hoje, o Corinthians empatou numa bola parada. Infelizmente não deu, vamos vencer na nossa casa agora – disse Marcelo Mattos, acrescentando que a questão dos salários atrasados não influencia no rendimento dentro de campo.

– Quando a gente entra em campo, a gente esquece tudo isso. É nossa profissão.

Antes da bola rolar, os times trocaram faixas de campeões estaduais. Bem distribuído em campo, o Botafogo fez um primeiro tempo muito bom. Em momento algum se deixou pressionar pelo Corinthians, que até teve mais posse de bola, mas parou na segurança de Jéfferson, muito bem no jogo.

Mas engana-se quem pensa que o campeão carioca apenas se defendeu nos primeiros 45 minutos. Quase sempre com a participação de Seedorf, o Botafogo também foi insinuante no ataque. Aos 26 minutos, o holandês tabelou com Lodeiro e cruzou na medida para Rafael Marques emendar de primeira, sem chance para o goleiro Cássio. Botafogo 1 a 0.

Seedorf também brilhou aos 43 e aos 45 minutos. Primeiro ao deixar Lucas na cara de gol com um toque sensacional — o lateral tentou cruzar e foi desarmado. E depois ao dar um lançamento perfeito para Rafael Marques, que ajeitou para Lucas isolar a bola.

Tite fez duas modificações no intervalo. Tirou Danilo e Guerrero e pôs Douglas e Alexandre Pato e pôs o Corinthians em cima do Botafogo.

O time carioca continuou muito bem postado, o que facilitou a saída rápida para os contra-ataques. Aos 17, Seedorf tocou para Lodeiro, que chutou em cima de Cássio.

Um chute perigoso de Paulinho aos 20 minutos acordou a torcida do Corinthians, que passou a empurrar o time. ara tentar diminuir o sufoco, Oswaldo de Oliveira tirou Fellype Gabriel e lançou Vitinho, bem mais veloz e ofensivo do que o meia. Mas aos 28, Douglas levantou a bola na área, Paulinho tocou de cabeça e a bola desviou em Marcelo Mattos, matando Jéfferson`: 1 a 1.

O Corinthians aumentou a pressão, mas na base da garra, o Botafogo segurou o empate.

 




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: