BRASIL DESTAQUE NOTÍCIAS

Bolsonaro sobre caso de ex-assessor do filho: ‘Se algo estiver errado…’

banner

presidente eleito Jair Bolsonaro fez uma transmissão ao vivo no Facebook, nesta quarta-feira (12), e comentou o fato de o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) ter citado uma movimentação suspeita de R$ 1,2 milhão na conta de Fabrício Queiroz, ex-motorista do filho dele, o deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro.

“Se algo estiver errado, seja comigo, com meu filho ou com o Queiroz, que paguemos a conta deste erro, porque nós não podemos comungar com o erro de ninguém. Da minha parte, estou aberto a quem quiser fazer qualquer pergunta sobre este assunto, tenho sempre me colocado à disposição e o que a gente mais quer é que isso seja esclarecido o mais rápido possível, sejam apuradas as responsabilidades, se é minha, se é do meu filho, se é do Queiroz ou de ninguém”, disse o capitão reformado.

De acordo com reportagem exibida na terça-feira (11) pelo “Jornal Nacional”, da TV Globo, nove funcionários do gabinete de Flávio Bolsonaro repassaram dinheiro para a conta bancária de Fabrício Queiroz em datas que coincidem com as datas de pagamento da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Os investigadores acreditam que essas transações podem indicar uma tentativa de esconder o destino real do dinheiro transferido.

“O Queiroz não estava sendo investigado, foi um vazamento que houve ali, não sou contra vazamento, tem que vazar tudo mesmo, nem devia ter nada reservado, botar tudo para fora e chegar a uma conclusão. Dói no coração da gente? Dói, porque o que nós temos de mais firme é o combate à corrupção e aconteça o que acontecer, enquanto eu for o presidente, nós vamos combater a corrupção usando todas as armas do governo, inclusive o próprio Coaf”, acrescentou Bolsonaro na mesma “live”.

Jair Bolsonaro informou que Fabrício Queiroz vai depor à Justiça na próxima semana.

Posts Relacionados

Relator recomenda prosseguimento da denúncia da PGR contra Temer

REDAÇÃO

TransOceânica ganha nova iluminação de LED

REDAÇÃO

Sergio Moro cogita deixar a Lava Jato, diz revista VEJA

REDAÇÃO

Esse site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Assumimos que você esteja de acordo com isso, caso contrário você pode fazer opt-out if se desejar. Aceito Leia Mais